As 20 revelações de Marco Pigossi


Intérprete de Rafael em ‘Boogie Oogie’ fala de sua intimidade, manias e segredos.

Para conferir clique aqui.

Fonte: Gshow.

Marco Fábio Pigossi! Galã de Boogie Oogie brinca com próprio nome


O personagem de Marco Fábio vem sendo disputado por duas gatas em Boogie Oogie. Você sabe de quem estamos falando? O Vídeo Show da quinta-feira, 08, descobriu que o galã da trama das seis, intérprete de Rafael, se chama Marco Fábio Maldonado Pigossi. Isso mesmo! "Eu sempre falei: 'Mãe, escolhe um'. Ou é Marco ou é Fábio, poxa!", brincou ele.

O ator participou do quadro Partiu Projac e ganhou uma carona de Otaviano (José) da Costa até o trabalho. Segundo Pigossi, ele é um cara tranquilo muito por conta da profissão: "É muito difícil me tirar do sério, é muito difícil eu explodir. A gente tem uma válvula de escape. Se eu tivesse trancado em um escritório, eu seria o cara mais explosivo, porque eu tenho personalidade. Mas a gente coloca isso para fora em cena".
Marco Pigossi contou também que lembra de acontecimentos de sua vida através das novelas em que atuou. Quanto a ser chamado de galã, o rapaz garantiu não se incomodar. "O rótulo vem com o personagem. Em Caras & Bocas, eu não era galã. No momento, eu sou o galã de Boogie Oogie, mas em um próximo papel talvez não", explicou. 
Confira a entrevista completa clicando aqui. 
Fonte: Gshow.

Marco Pigossi revela planos para fim de ano e relembra: 'Natal inesquecível'


O Natal vai ser a oportunidade perfeita para Marco Pigossi matar as saudades da família! Como o ator é de São Paulo, fica difícil conseguir visitar frequentemente os parentes por conta do ritmo de gravação. Mas o esforço de viajar vai valer a pena: “Eu vou passar o Natal em São Paulo com a minha família em casa. É gostoso porque minha mãe cozinha superbem”, conta.
O ator revela que por conta da falta de tempo, o Natal será sem árvore e amigo oculto. Mas a troca de presentes está garantida: "É o momento que a gente tem para juntar a família e aproveitar”, conta.
Se hoje em dia a comemoração é mais simples, o mesmo não pode se falar nos Natais passados. Tinha até Papai Noel! “Era o maior barato quando eu era criança. Meu tio se vestia de Papai Noel. Eu lembro que eu ganhei um Mini Buggy, esses carrinhos de criança. Meu pai e os meus tios me deram juntos. Eu tenho muito viva essa lembrança. Eu segui as pegadas do Papai Noel e, quando eu vi, os três estavam no carrinho. Foi o maior barato”, revela.
E parece que o clima natalino vai invadir os corredores do estúdio de Boogie Oogie. Pigossi se animou e promete organizar uma festinha nos bastidores: “A gente ainda não teve tempo para pensar nisso. Mas é uma ótima ideia. Vou tentar agitar com a turma!”, diz.
Fonte: Gshow.

Marco Pigossi, solteiro, não pensa em relacionamento: ‘Não tenho a menor cabeça para construir família agora’

Marco Pigossi está solteiro e feliz da vida. E, por enquanto, o bonitão não quer saber de compromisso sério. “Não tenho a menor cabeça para construir família agora. Tenho muita coisa para viver, aprender, viajar... Isso é para outra hora”, explica o ator à revista “Contigo!”.

Mas se engana quem pense que ele está sozinho. À publicação, ele admitiu que tem não sem ninguém. "Não dá para escolher entre estar solteiro ou namorando. Essas coisas acontecem. É muito bom estar solteiro e é muito bom ter alguém na sua vida. Mas tudo depende do momento. É claro, tenho meus relacionamentos, assim como todo mundo", disse ele.

No ar em “Boogie Oogie” como o Rafael, ele está com a agenda cheia de trabalho. O ator já está reservado para “Favela chique”, primeira novela do autor João Emanuel Carneiro depois do fenômeno “Avenida Brasil”. Para depois da trama ele tem planos, e isso não inclui mais trabalho. Marco Pigossi pretende morar durante seis meses em Paris.


Fonte: Extra.

Livre para voar

Controle e planejamento são elementos pouco comuns em uma carreira na televisão. E Marco Pigossi sabe disso. Por isso mesmo, o intérprete do bom moço Rafael de Boogie Oogie atribui ao acaso a chance de trabalhar com diversificadas equipes dentro do veículo. 

Após passar pelo núcleo de Dennis Carvalho, Jorge Fernando e Wolf Maia, o ator chegou às mãos de Ricardo Waddington através do texto de Rui Vilhena. "Isso é muito bom. Gosto de conhecer métodos diferentes. É um grande aprendizado. Além disso, você vai fazendo amizades, trabalhando e conhecendo", afirma. 

Em sua sétima novela e ocupando pela segunda vez o posto de protagonista de um folhetim, Pigossi demonstra sua empolgação pela forma de trabalho construtiva das tramas. "O interessante é você assistir e ir moldando o personagem ao longo da história. Há a chance de assistir, corrigir e mudar conforme o público espera. Ou seja, tudo pode acontecer", vibra. 

O último capítulo de Boogie Oogie tem previsão de ir ao ar no dia 6 de março. Depois do fim do folhetim, o ator pretende voltar ao teatro após uma sucessão de novelas. "Sinto uma saudade enorme. Nos palcos é onde a gente se reinventa", ressalta.

'Boogie Oogie' grava cenas em Marechal Hermes e Marco Pigossi é assediado por crianças


Os moradores de Marechal Hermes se sentiram dentro do Projac. Tudo porque alguns atores de “Boogie Oogie” foram ao bairro, que serve de locação para os cenários de Niterói. É em Marechal que ficam as casas de Vicente (Francisco Cuoco) e Augusta (Sandra Corveloni) e, por isso, Deborah Secco (Inês), Betty Faria (Madalena), Tadeu (Fabrício Boliveira), Isis Valverde (Sandra) e Marco Pigossi (Rafa) estão sempre por ali. Mas mesmo figurinhas fáceis em Marechal, os atores não escapam do assédio. Pigossi, por exemplo, é o queridinho dos moradores do local. E apesar do calorão que fazia no subúrbio, ele e Isis se divertiram até dentro do fusquinha cenográfico fazendo caras e bocas numa selfie.


Fonte: Extra.